Texto Maior
Texto Maior
Texto Maior
Texto Menor
Texto Menor
Texto Normal
Texto Normal
Contraste
Contraste
Libras
Libras
Vlibras

O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras

Acesso à informação
Acesso à informação

Águas de Lindóia, Sábado, 14 de Dezembro de 2019 Telefone (19) 3924-9300

Atendimento Atendimento: Segunda a Sexta-feira das 08:00h ás 12:00h e das 13:00h ás 17:00h

Sext
13/12
33 °C
19 °C
Índice UV
13.0
Sáb
14/12
32 °C
20 °C
Índice UV
13.0
Domi
15/12
31 °C
21 °C
Índice UV
13.0
Segu
16/12
30 °C
22 °C
Índice UV
13.0

Meio Ambiente e Agricultura - Quarta-feira, 08 de Agosto de 2018

Notícias por Categoria

Primeiro mês de coleta seletiva recolheu 4,5 toneladas de resíduos recicláveis


Primeiro mês de coleta seletiva recolheu 4,5 toneladas de resíduos recicláveis

Volume equivale a mais de 40 árvores poupadas ou cerca de quatro toneladas a menos de CO2 lançados na atmosfera

O balanço referente ao primeiro mês de coleta seletiva em Águas de Lindoia foi muito positivo. O documento foi debatido em reunião realizada na semana passada na prefeitura e apontou que 4,5 toneladas de resíduos recicláveis foram coletados e encaminhados para reciclagem. O volume equivale a 42 árvores poupadas ou quase quatro toneladas a menos de dióxido de carbono (CO2 – principal gás do efeito estufa) na atmosfera. Reunião foi conduzida pelo secretário de meio ambiente e teve a participação de representantes do Grupo Gaia Social e do Consórcio Intermunicipal de Saneamento Básico do Circuito das Águas (CISBRA) parceiros do projeto.

“Estamos satisfeitos com este resultado e motivados a seguir em frente”, comemorou o secretário. Segundo ele, a população tem participado e colaborado com o projeto. “A coleta segue em ritmo crescente. A coleta realizada em 30 de julho foi a maior e recolhemos mais de 560 quilos de resíduos”, explicou. A maior parte do que foi recolhido é papel (43%) e o rejeito ficou em apenas 7% do total coletado.

A coleta está sendo realizada em caráter experimental nas Casas Populares e a prefeitura pretende estender o projeto gradativamente para toda a cidade. Atualmente, a coleta atinge mais de 1,2 mil residências e beneficia cerca de 5 mil pessoas.

Além disso, o projeto gera oportunidades de emprego e renda: três pessoas foram contratadas pelos parceiros do projeto e já trabalham na separação, armazenamento e venda dos resíduos. Quando o projeto estiver totalmente estruturado, abrangendo outros pontos da cidade e sendo autossustentável a estimativa é de que 50 empregos diretos e indiretos sejam criados.

Segundo o levantamento feito pela Secretaria de Meio Ambiente e do Grupo Gaia Social, Águas de Lindoia produz em média 450 toneladas de lixo por mês. Ao menos 40% deste volume têm condições de ser reciclado.

A coleta no bairro prosseguirá sempre às segundas e quintas-feiras. Nestes dias os moradores devem colocar o lixo reciclável para a coleta, sendo que a coleta do material orgânico continua sendo realizada normalmente.

O projeto

Com o projeto de coleta seletiva, Águas de Lindoia passou a integrar o Programa ViraSer, idealizado pelo Grupo Gaia Social e com apoio do Consórcio Intermunicipal de Saneamento Básico da Região do Circuito das Águas (CISBRA) e conta com os investimentos da JACOBS DOUWE EGBERTS (JDE), uma empresa global de cafés, que no Brasil é conhecida através de suas marcas Pilão, Café do Ponto, L’OR, Caboclo, Damasco, Pelé, Seleto, Moka e Bom Taí.

FacebookTwitterWhatsAppImprimir

Voltar para a listagem de notícias

Águas de Lindóia Balneário Municipal

CALENDÁRIO DE EVENTOS

ACOMPANHE-NOS

UNIDADES FISCAIS

Fique por dentro dos índices - ver todas

Nenhuma unidade fiscal cadastrada no momento!